Lista telefônica

Índice de cheques sem fundos de agosto atinge menor percentual em 10 anos, aponta Serasa - Jornal Cruzeiro do Vale

Índice de cheques sem fundos de agosto atinge menor percentual em 10 anos, aponta Serasa

24/09/2018
Índice de cheques sem fundos de agosto atinge menor percentual em 10 anos, aponta Serasa

O Indicador Serasa Experian de Cheques sem Fundos registrou em agosto de 2018 o menor percentual apurado para este mês em 10 anos, quando atingiu 1,62% em 2010. O índice de devolução de cheques pela segunda vez por insuficiência de fundos fechou em 1,78% no oitavo mês deste ano, com o registro de 656.116 cheques devolvidos em um total de 36.904.200 de cheques compensados no país.

O indicador apresentou redução frente às 684.887 devoluções apuradas entre as 37.410.500 compensações, em julho/2018 (1,83%). Houve também queda em relação ao consolidado de agosto/2017 (1,82%), que contabilizou 768.271 devoluções em um total de 42.243.134 cheques compensados.

No acumulado de janeiro a agosto/2018, índice de cheques sem fundos foi de 1,96%, com 5.802.162 devoluções entre 295.376.524 compensações processadas no Brasil.

Segundo os economistas da Serasa Experian, o decréscimo na inadimplência com cheques observado no decorrer de 2018 sinaliza o efeito conjunto dos juros em patamares mais baixos, da inflação sob controle, combinado à redução cada vez maior do uso de cheques como meio de pagamento pelos brasileiros. Quedas recentes, mesmo que pequenas, da taxa de desemprego a partir de maio/18 também ajudam neste processo.

Em agosto/2018, a queda no volume de cheques sem fundos voltou a prevalecer em todas as regiões brasileiras frente aos resultados do sétimo mês deste ano.

Já no levantamento por estados, o resultado acumulado de janeiro a agosto deste ano repetiu a composição do ranking observada no período anterior (janeiro a julho/18). Amapá se manteve na primeira posição (13,91%) e Rondônia ficou em último (1,49%). Clique aqui e baixe aqui a tabela, em Excel, com os dados de cada estado e a série histórica de cada um (percentual de devolução de cheques pela segunda vez por insuficiência de fundos).

 

 

Via assessoria de imprensa

Comentários

Deixe seu comentário


Seu e-mail não será divulgado.

Seu telefone não será divulgado.