Lista telefônica

Chumbo - Jornal Cruzeiro do Vale

Por Gilberto Schmitt

18/05/2018

Agradecimento especial

Sábado passado aconteceu o 12º Stammtisch Cruzeiro do Vale e a Arena Multiuso ficou lotada. Agradeço primeiramente a Deus e a São Pedro, que fizeram um dia lindo e ensolarado para que todos aproveitassem a festa ao máximo. Agradeço também aos patrocinadores, aos grupos, aos participantes e a equipe do Cruzeiro do Vale, que trabalhou incansavelmente para deixar tudo pronto para esta grande festa. Até ano que vem!

O medo faz coisa...

O simulado que aconteceu em Gaspar esta semana trouxe o exército em peso para nossa cidade. Na quarta e quinta-feira, eles montaram acampamento na praça e isso deixou em evidência uma situação: sumiram os maconheiros que fumam o cigarrinho do capeta na praça. Isso mostra que o medo faz coisa. Se as autoridades ficarem mais na rua, com certeza vão inibir esse tipo de situação.

Mais atenção, por favor!

Um caminhão basculante derrubou dois postes em cima de residências no Loteamento das Arábias, no bairro Margem Esquerda, em Gaspar. O caso aconteceu na tarde de ontem, quinta-feira, 17. O veículo pertence à empresa Ramos Terraplenagem e estava no local executando obras de infraestrutura contratadas pela Prefeitura de Gaspar. A empresa se comprometeu em consertar os estragos. Devido à situação, o loteamento ficou sem energia elétrica. Mas, graças a Deus, ninguém se feriu.

Boa ação

O grupo de artesanato ‘Fio da Meada’, da Unidade de Saúde do Gaspar Grande, fez uma boa ação esta semana. Na terça-feira, 15 de maio, as integrantes foram até a Casa de Repouso Dalva, em Blumenau, para doar cachecóis e mantas de lã, frutos do trabalho realizado em crochê durante o ano. A ação foi acompanhada pelo prefeito Kleber Wan-Dall e o secretário de Saúde Carlos Roberto Pereira.

Resultados positivos

O Simulado Integrado de Respostas a Desastres rendeu elogios à Defesa Civil de Gaspar e aos voluntários. Que o povo gasparense tem um bom coração e que os profissionais de segurança pública são esforçados, todo mundo sabe... Mas estávamos em dúvida quanto ao resultado, devido à grande responsabilidade e demanda intensa. Gaspar venceu! Resta saber se a atuação será eficaz também em situações de emergências reais. Espero que não precisemos botar em prática, a nossa região já sofreu demais com desastres naturais.

 

Edição 1851

Comentários

Deixe seu comentário


Seu e-mail não será divulgado.

Seu telefone não será divulgado.