Lista telefônica

477 - Jornal Cruzeiro do Vale

477

08/09/2017

Esse é o número de policiais que morreram no Brasil em 2016. E pior: ao que tudo indica, vamos superar a marca em 2017. Somente no estado do Rio de Janeiro, até o mês de agosto, 103 policiais já haviam morrido e outros 128 foram baleados e resistiram.

A título de curiosidade, se compararmos o salário inicial de um Policial Militar do Estado de Santa Catarina com a remuneração de um Deputado Estadual, percebemos que a média da renda mensal do policial corresponde a 1/10 da remuneração do referido cargo político.

A Polícia Civil, por meio da ADEPOL-SC, lançou uma campanha para valorização da corporação, por melhores condições de trabalho. Em Gaspar, a Delegacia luta há anos por um novo prédio e maior efetivo, sem sucesso, somente promessas. Aqui, cumpre-se ressaltar o trabalho e comprometimento do nosso eterno Delegado Paulo Koerich.

O que gera mais compartilhamentos e revolta na internet: a notícia da morte de um policial em serviço ou um eventual ‘abuso’ de autoridade de um guarda de trânsito?

Quem sofre uma penalidade mais célere e pesada: o assassino de um policial ou este mesmo policial que invade uma favela e consequentemente acaba tirando a vida de um traficante?

Culpa de quem? Do fim do regime militar no Brasil? Dos baixos salários? De um Código Penal da década de 40? De um Estatuto da Criança e do Adolescente que aplica penas brandas e irrelevantes para menores que matam, roubam e provocam desordem no país? Da falência no modelo de segurança pública adotado no país? Da falta de investimento em políticas de segurança pública e prevenção da criminalidade? Dos veículos e armas arcaicas que os policiais utilizam? De facções criminosas que nascem dentro do presídio e se fortalecem cada dia mais?

Evidentemente, em todas as profissões existem pessoas de má índole, gananciosas e corruptas, contudo, não devemos generalizar.

Por que reclamamos de uma multa por embriaguez, se de fato ingerimos bebida alcoólica? Por qual motivo em qualquer abordagem alguém tira o celular do bolso e filma os policiais realizando seu serviço? Para quem socorremos quando estamos em apuros e em situação de perigo?

Se a média não falhar, neste final de feriadão 5 policiais perderão a vida, deixando mulheres viúvas e filhos desamparados, simplesmente por tentar colocar ordem no país.

E você, acha que a polícia deveria ser mais respeitada e valorizada ou acredita que ela já detém poder suficiente?

 

Edição 1817

 

 

Comentários

Deixe seu comentário


Seu e-mail não será divulgado.

Seu telefone não será divulgado.