Vitrine Literária - Jornal Cruzeiro do Vale

Mulher

09/08/2019

Por quem vocês me tomam?
Me consideram uma pobre indefesa
vítima de tudo de mau que desejam,
me maltratando, abusando e violentando?

Por quem vocês me tomam?
Por acaso sou tão frágil assim
ou serão vocês que são inumanos
e estão se perdendo a cada instante?

Será que ainda não perceberam
a sutileza da mulher
a doçura dos seus atos
e a generosidade com que vive?

Onde tudo isso irá parar
quando não existirem mais mulheres
que se deixam dominar e viverem apanhando
dia após dia sem ter como se defender?

Por isso, homens de pouca fé
deixem-me viver em paz
junto daqueles que amo
e que sou aceita por eles.

Não sou um lixo qualquer
para ser usada, abusada e jogada
num canto qualquer
sem direito a ter um minuto de sossego.

Sou mulher viva
mulher madura
mulher forte e determinada
que necessita de carinho e amor.

 

Edição 1913

Comentários

Deixe seu comentário


Seu e-mail não será divulgado.

Seu telefone não será divulgado.