Lista telefônica

Editorial - Jornal Cruzeiro do Vale

Déficit dos cemitérios municipais

17/11/2017 10:01

Anualmente, os cemitérios municipais de Gaspar geram um déficit de R$400 mil aos cofres públicos. O valor é proveniente do pagamento dos funcionários, licenças premium e serviços de limpeza. Os dados foram repassados pela nova administração, que aproveitou a entrevista do Cruzeiro do Vale, sobre outro assunto ligado aos cemitérios, para comentar fatos alarmantes.

Entre os índices apresentados por Osnildo Moreira, atual diretor dos cemitérios, o destaque se dá ao número de túmulos abandonados em Gaspar. De acordo com o profissional, há mais de 500 jazigos sem qualquer manutenção por parte das famílias. Por esse motivo, os cemitérios passam por um cadastramento. Até então, nesse primeiro ano frente à administração, a equipe de Osnildo já concluiu 95% dos trabalhos de identificação. Além disso, ele enfatiza que nenhum serviço oferecido pelos cemitérios é cobrado, apenas o aluguel da capela, que custa R$ 104,92.

 
Edição 1827
 

Comentários

Deixe seu comentário


Seu e-mail não será divulgado.

Seu telefone não será divulgado.
 

Leia Mais

Esta pergunta se tornou comum na última semana em Gaspar, quando Carlos Russi, de 58 anos, morreu durante uma abordagem policial no bairro Bela Vista.

Prestes a ser inaugurada oficialmente, a Ponte Prefeito Dorval Rodolfo Pamplona pode não ser entregue ao povo gasparense como deveria.

Pelo que parece, as reivindicações dos moradores da rua Albertina Maba, no bairro Margem Esquerda, foram tratadas com descaso pelo Executivo.

Na semana passada, a equipe do Cruzeiro do Vale deu início a uma matéria especial que fala de sonhos a serem realizados antes da morte.

25/11/2016

Justiça

Na quinta-feira, a comunidade parou para acompanhar o veredito final do caso do assassinato de Marli de Lima, a diarista gasparense que teve sua cabeça cortada e jogada no rio.

É muito comum olharmos para o trabalho do outro e admirar o quão criativo ele é. Na maioiria das vezes, até pensamos: ‘nossa, acho que eu nunca conseguiria fazer isso’. 

11/11/2016

Crise do lixo

Mais uma vez, a paralisação da coleta do lixo volta a ser pauta do Jornal Cruzeiro do Vale.

Essa semana, o Partido dos Trabalhadores de Gaspar foi condenado a devolver ao ex-procurador do município, Mario Wilson da Cruz Mesquita, o valor de R.000,00, com juros e correção.

Na data de hoje, 28 de outubro, servidores públicos comemoram a força da classe que presta serviços para toda a comunidade, seja na esfera municipal, estadual ou federal. 

O trabalho dos bombeiros merece ser aplaudido de pé. Vestindo suas fardas, eles não se importam com o sol, a chuva, a enchente ou qualquer condição climática; atendem as ocorrências com garra e determinação.