Lista telefônica

Índice do Ideb aponta educação pública de Gaspar abaixo do nível estadual - Jornal Cruzeiro do Vale

Índice do Ideb aponta educação pública de Gaspar abaixo do nível estadual

14/09/2018

O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira divulgou recentemente o resultado do Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb), que é uma ferramenta criada pelo Ministério da Educação com o objetivo de diagnosticar a qualidade do ensino do Brasil nas escolas públicas. A pesquisa é realizada a cada dois anos e, desta vez, mostra Gaspar com o resultado abaixo do nível estadual e acima do nacional.

Entre o 4º a 5º ano, a média dos alunos ficou em 6,3. Já do 8º ao 9º, o resultado alcançado diminuiu para 4,7. No primeiro caso, a projeção do município era alcançar uma pontuação de 6,1. Já no segundo, a estimativa apontava uma nota de 5,4.

Segundo a secretária de Educação de Gaspar, Zilma Benevenutti, o resultado já era esperado e algumas atividades estão sendo trabalhadas para que esta realidade mude. “Estamos focando em ações significativas, visando manter e ampliar a qualidade de ensino do nosso município. Como mudanças previstas temos a melhora na estrutura física das escolas, a implantação de um profissional que vai auxiliar a direção, o serviço de apoio aos anos finais e a promoção de feiras internas e movimentos que estimulem a leitura”, afirma.

Em SC

No geral, Santa Catarina ficou com um nível maior que Gaspar, alcançando 6,5, quando a projeção do Estado era 6. De acordo com informações do Ministério da Educação, apenas oito estados do país alcançaram média igual ou maior que 6.
Nos anos iniciais, a média geral do Brasil foi de 5,8, sendo que a projeção era 6,4. Já nos anos finais, a projeção era 5 e o número ficou em 4,7.

O Ideb

Criado em 2007, o Ideb serve tanto como diagnóstico da qualidade do ensino brasileiro, como de baliza para as políticas de distribuição de recursos (financeiros, tecnológicos e pedagógicos) do Ministério da Educação.

O indicador é calculado a partir dos dados sobre aprovação escolar, obtidos através das informações enviadas pelas escolas, e a média do desempenho nas avaliações do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais.

 

Edição 1868

Comentários

Deixe seu comentário


Seu e-mail não será divulgado.

Seu telefone não será divulgado.