Lista telefônica

Parque da Arena Multiuso de Gaspar vai homenagear prefeito Francisco Hostins - Jornal Cruzeiro do Vale

Parque da Arena Multiuso de Gaspar vai homenagear prefeito Francisco Hostins

30/11/2016
Parque da Arena Multiuso de Gaspar vai homenagear prefeito Francisco Hostins

O prefeito de Gaspar, Pedro Celso Zuchi, protocola nesta quarta-feira, 30 de novembro, um Projeto de Lei que denomina o espaço público localizado na rua Hercílio Fides Zimmermann, no bairro Margem Esquerda, como Parque Arena Multiuso Prefeito Francisco Hostins.

De acordo com o Projeto de Lei, esta é uma forma de homenagear o ex-prefeito que contribuiu significativamente para o desenvolvimento da cidade, tanto durante seu mandato quanto fora dele.

Chico Hostins foi prefeito de Gaspar entre os anos de 1989 e 1992 e faleceu em 19 de maio de 2016, após sofrer uma parada cardíaca em sua residência.

Em 2011, o Jornal Cruzeiro do Vale e o ex-deputado estadual Álvaro Correia lançaram o livro “Homens que fizeram a história”. Nele, é possível encontrar a história de pessoas que sempre serão lembradas pelo trabalho que desenvolveram na cidade. Confira o artigo que conta a história de Chico Hostins:

Uma desistência de última hora impediu que Gaspar tivesse mais um filho padre. Mas, em contrapartida, a cidade ganhou um homem público do mais alto valor, que serviu a sua terra e a sua gente com amor e dedicação. Assim é a história de Francisco Hostins, que estudou para ser padre, porém desistiu antes de ser ordenado. Mas, aproveitou os estudos para cumprir uma missão que se assemelha ao secerdócio e que ele considerava uma e uma bênção eterna de Deus: a de ser professor.

Filho de Bárbara Pitz e Hercílio Hostins, Chico Hostins nasceu em Gaspar em 29 de janeiro de 1934. Fez os estudos no Colégio Cristo Rei; o ginásio no Seminário São Luís de Tolosa, em Rio Negro; o científico no Seminário Santo Antônio, em Agudos; filosofia em Curitiba e teologia em Petrópolis.

Retornando a Gaspar, deu início a sua carreira no magistério, assumindo o cargo de diretor do Colégio Frei Godofredo, de 1965 a 1983.

Em 17 de outubro de 1964, Chico Hostins uniu-se pelos laços do matrimônio com Selma de Aguiar, com quem teve quatro filhos: Sandra, Neilor, Murilo e Francisco Hostins Junior.

Após diversos convites para se candidatar a vereador, foi eleito pelo Partido Democrático Social, e assumiu de 1983 a 1988. Quando encerrava seu mandato, foi lançado candidato a prefeito nas eleições. As urnas lhes deram uma vitória tranquila. Ele enfrentou turbulências politico-administrativas durante o mandato mas, com competência e determinação, entregou o governo ao seu sucessor com todos os compromissos em dia e com um superávit em caixa.

Sua administração foi marcada por uma série de conquistas e realizações que beneficiaram o povo gasparenses.

Após o mandato como prefeito, Chico Hostins voltou a exercer a profissão de professor na Escola Básica Ivo D´Aquino. E, no governo de Bernardo Leonardo Spengler, exerceu por dois anos o cargo de Secretário de Educação.

Quando aposentado, viveu para a família, os amigos, a igreja e as instituições que se dedicava de corpo e alma.

Por tudo o que fez por Gaspar, seu nome integra, com inteira justiça, a galeria de honra dos precursores do progresso e do desenvolvimento da cidade.

 

 

Edição 1779

Comentários

Silvio Romalino Batista
01/12/2016 21:20
Com certesa uma homenagem mais que merecida!
Um nome que deve ser perpetuado para a eternidade ,deixando seu legado para as próximas gerações , porque as atuais o levam em seus corações !
Um diretor que marcou nossas vidas !

Deixe seu comentário


Seu e-mail não será divulgado.

Seu telefone não será divulgado.