Lista telefônica

Editorial - Jornal Cruzeiro do Vale

O Baile do Hawaii é amanhã!

07/04/2017 14:39

Ansiosa para a 7ª edição do Baile do Hawaii, a equipe Cruzeiro do Vale sente a sensação de dever cumprido e também orgulho da estrutura montada para receber a comunidade na noite deste sábado, 8 de abril, na Sociedade Alvorada. Em véspera de festa, devemos ressaltar a importância da valorização em eventos produzidos e realizados em Gaspar.

A festa de amanhã promete muita animação e também boas lembranças, já que será sediada na Sociedade Alvorada, local que marcou os melhores bailes do município. Nesta edição, listamos 16 motivos para você fazer parte desta festa (veja nas páginas 18 e 19). Entre as razões para fazer parte da agitação está a decoração típica, que promete ser cenário para muita curtição e lindas fotografias. A música, essencial para animar o público, será por conta da Banda Champagne no palco principal. Nos intervalos dos músicos, um DJ vai agitar a pista e vai tirar você do chão. Além disso, logo na entrada do baile, o artista gasparense Clovis Show estará se apresentando. Será diversão para todos os lados.

De fato, o Baile do Havaii está com tudo. Se você já comprou o seu ingresso, venha preparado para aproveitar as atrações e desfrutar nossos drinks. Não garantiu o ingresso ainda? Chama os amigos e corre que ainda dá tempo. Os ingressos estão sendo vendidos no Xodó Som, Rovere Tecidos e Jornal Cruzeiro do Vale até as 12h de sábado. Depois do meio dia você pode comprar no Posto Zoni ou no 5000 Burguer. O valor da entrada é acessível: com apenas R$ 30 a diversão está garantida. Na hora do evento também haverá venda.

Não esqueça: sábado, 8 de abril, na Sociedade Alvorada, tem Baile do Hawaii Cruzeiro do Vale. Para mais informações, fale com a gente pelo WhatsApp 99933-8373 ou pelo 3332-9060.

 

Edição 1795

Comentários

Deixe seu comentário


Seu e-mail não será divulgado.

Seu telefone não será divulgado.
 

Leia Mais

Comemorado no dia 25 de julho, o Dia do Motorista é a data para lembrar das pessoas que estão no trânsito dirigindo veículos. Seja para lazer, necessidade ou como profissão, a atividade de motorista está, mais do que nunca, ligada à segurança.

Nas últimas semanas, o Cruzeiro do Vale foi procurado por moradores de Gaspar, por telefone e via redes sociais, para falar sobre um problema antigo e recorrente na cidade. 

Mais uma vez o trânsito em Gaspar é o assunto principal do nosso jornal. Não é a primeira vez e não será a última que iremos tocar neste assunto que está no dia a dia das pessoas. 

Relativamente novo, Ilhota, município de colonização Belga, completa mais um ano de emancipação nesta terça-feira, dia 21. Com 58 anos de história, a cidade conhecida pela fabricação e comércio de moda íntima e moda praia busca avançar no desenvolvimento. Mesmo assim, a cidade de cerca de 13 mil habitantes ainda está a um passo de avançar, principalmente na questão econômica. A Ponte de Ilhota, depois de anos de entraves, surge como principal promessa de avanço. 

A edição de número 1752 marca uma data importante. Há exatos 26 anos, Gaspar conta com um veículo de comunicação que preza pela veracidade, clareza nos fatos e, principalmente, pela informação de qualidade.

20/05/2016

Quase 100%

A Campanha Nacional de Vacinação Contra a Gripe termina nesta sexta-feira, dia 20. A boa notícia é que neste ano Gaspar estima ter vacinado muito mais pessoas do que nas outras edições.

Em 82 anos, esta é a primeira vez que Gaspar tem um policial-psicólogo. O cargo foi ocupado há dois meses pela psicóloga Carla Fernanda de Bastos Ferrari.

A semana foi marcada por eventos do movimento Maio Amarelo, que busca a conscientização de motoristas, pedestres e ciclistas contra a violência no trânsito. Para além das válidas iniciativas de educação e alerta, o problema da alta mortalidade das estradas brasileiras passa por questões centrais que precisam ser atacadas como questão de honra pelo poder público e pela sociedade civil.

29/04/2016

Perto do fim

A polêmica da semana em Gaspar foi o caso de abuso sexual envolvendo uma menina de 3 anos em uma creche do bairro Figueira.