Editorial - Jornal Cruzeiro do Vale

Editorial

A proteção de crianças e adolescentes é assunto sério. Há um clara necessidade em prevenir e combater crimes que prejudiquem a integridade física e mental de pessoas menores de idade. Em Gaspar, o tema está sendo trabalhado de forma rigorosa e com ainda mais vigor durante esta semana. Isso porque no sábado, 28 de maio, acontece o Dia Nacional de Combate ao Abuso e Exploração Sexual Infanto-Juvenil.

Para marcar a data, a reportagem do Cruzeiro do Vale conversou a juíza Liana Bardini Alves, da Vara da Família, Infância e Juventude, Idoso, Órfãos e Sucessões. Além disso, entrevistou o delegado da Polícia Civil de Gaspar, Bruno Effori. Com isso, foi possível fazer um levantamento dos casos ocorridos em Gaspar e entender de que forma eles são tratados na cidade.

 

Edição: 1901

Comentários

Deixe seu comentário


Seu e-mail não será divulgado.

Seu telefone não será divulgado.
 

Leia Mais

Quando se fala em Hospital de Gaspar, o primeiro sentimento que toma conta da comunidade gasparense é o de insegurança.

Durante a semana, o trânsito de Gaspar voltou a ser o foco das discussões entre o governo e a comunidade.

01/12/2017

Grande mulher

Muitos duvidaram da sua coragem e não acreditaram em sua candidatura. Mesmo assim, ela conseguiu seu lugar na Câmara de Vereadores de Gaspar.

24/11/2017

Documentário

Faltando pouco mais de um mês para que o assassinato do advogado ilhotense Jaime Bosi complete 10 anos, o caso volta a ser destaque no Jornal Cruzeiro do Vale.

10/11/2017

Clima de Natal

Com a chegada de novembro, o clima natalino já aquece o coração das famílias em todo o Vale do Itajaí. 

Os servidores municipais de Gaspar lotaram a Praça Getúlio Vargas na terça-feira, dia 31 de outubro.

O início da semana foi marcada por polêmicas em Gaspar. 

O ano caminha para seu fim e só agora, na segunda quinzena de outubro, começamos a ouvir falar sobre as tão esperadas conclusões de obras

13/10/2017

Frei Godofredo

A quinta-feira, 12 de outubro, foi especial para os gasparenses. Além do Dia de Nossa Senhora Aparecida, a data foi marcada pelos 25 anos do falecimento de Frei Godofredo e pelos 18 anos que seus restos mortais vieram para a Igreja Matriz São Pedro Apóstolo.